Verificando a qualidade do sinal Wifi

Essa dica muito curta e muito útil serve para todos vocês que se conectam na internet usando uma rede sem fio (quase todo mundo!).

Dependendo da localização ou potencia do modem, das paredes da tua casa ou outras possíveis interferências, o sinal captado pode ser bem fraco e a internet fica lenta ou pode até não funcionar direito. Você pode olhar a força do sinal geralmente no próprio ícone de rede, quanto mais forte o sinal, mais barrinhas vão estar “acesas”.

Mas usando o terminal você pode ter uma medida muito mais precisa do sinal de rede além de ver várias outras coisas como a potencia ou taxa de transmissão.

O comando para fazer isso é

watch -n1 iwconfig

Com esse comando você vai ver as informações da rede, atualizadas a cada segundo (assim você pode caminhar pela tua casa com o computador na mão e ver onde o sinal está mais forte). A informação mais importante é “Link Quality”. Na minha experiência, até 30/70 a qualidade é boa, abaixo disso a rede fica lenta. Idealmente, é claro, quanto mais próximo de 70/70 melhor!

fonte: http://www.dicas-l.com.br/arquivo/verificando_a_qualidade_do_sinal_wifi.php#.UNXr0K0hZok

Com essas informações fica muito mais fácil configurar o modem ou mudar o computador de lugar para melhorar a conexão!

Descobrindo o UUID de uma partição do HD

Geralmente em algumas distribuições, senão a maioria, as partições do seu HD são referenciadas pelo UUID como no exemplo abaixo:

# /etc/fstab: static file system information.
#
# Use ‘blkid’ to print the universally unique identifier for a
# device; this may be used with UUID= as a more robust way to name devices
# that works even if disks are added and removed. See fstab(5).
#
#
proc /proc proc nodev,noexec,nosuid 0 0
# / was on /dev/sda6 during installation
UUID=1cebaee5-2a1c-4033-b5d7-d46b299d9bf2 / ext4 errors=remount-ro 0 1
# swap was on /dev/sda5 during installation
UUID=a1954389-885a-4790-88d1-9bf03aa6532e none swap sw 0 0

Ao adicionarmos uma novo HD ou criarmos novas partições é desejável manter o mesmo esquema, e para descobrir o UUID dessa nova partição criada usamos seguinte comando:

Ex:

root@ubuntu:~# ls -l /dev/disk/by-uuid/
total 0
lrwxrwxrwx 1 root root 10 Nov 29 09:36 1cebaee5-2a1c-4033-b5d7-d46b299d9bf2 -> ../../sda6
lrwxrwxrwx 1 root root 10 Dez 5 17:02 561E82251E81FDED -> ../../sda1
lrwxrwxrwx 1 root root 10 Dez 5 17:02 736CBA0B2EBE95EB -> ../../sda4
lrwxrwxrwx 1 root root 10 Nov 29 09:36 a1954389-885a-4790-88d1-9bf03aa6532e -> ../../sda5
lrwxrwxrwx 1 root root 10 Dez 5 17:02 ACBE66BDBE667FA6 -> ../../sda2

Ainda de forma mais atual temos o comando blkid que exibe o resultado abaixo:

Ex:

root@darkstar:~# blkid

/dev/sda1: LABEL=”SYSTEM” UUID=”561E82251E81FDED” TYPE=”ntfs”
/dev/sda2: LABEL=”OS” UUID=”ACBE66BDBE667FA6″ TYPE=”ntfs”
/dev/sda4: UUID=”736CBA0B2EBE95EB” TYPE=”ntfs”
/dev/sda5: UUID=”a1954389-885a-4790-88d1-9bf03aa6532e” TYPE=”swap”
/dev/sda6: UUID=”1cebaee5-2a1c-4033-b5d7-d46b299d9bf2″ TYPE=”ext4″

Criando pen drive inicializável com windows 7

Quer instalar o Windows 7 em seu netbook, mas não tem um drive de DVD externo? Uma saída é mandar o sistema para um pen drive. Será preciso ter um modelo com, no mínimo, 4 GB de espaço e formatado no padrão NTFS. Conecte o pen drive ao PC. No Windows XP ou Vista, abra o Prompt de Comando (CMD) ou a caixa Executar e tecle diskpart. Na janela que surge, digite list disk. Localize o número correspondente ao pen drive e digite os comandos abaixo, substituindo K pelo número do pen drive:

select disk K
clean
create partition primary
select partition 1
active
format fs=NTFS
assign
exit

Depois, abra o Prompt de Comando (CMD) e navegue à pasta boot no DVD do Windows 7. Rode o comando bootsect /nt60 K:, substituindo K pela letra que identifica o pen drive. Depois, é só copiar o conteúdo do DVD do Windows 7 para o pen drive e fazer o boot por meio dele no netbook.

Fonte: http://marcoscarraro.blogspot.com.br/